FlorestasNotícias

Suzano abre vagas na área de manutenção para atuar em Três Lagoas (MS)

As oportunidades são para os cargos de Supervisor (a) de Manutenção – Silvicultura e Técnico(a) de Manutenção Florestal II

A Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, está com duas vagas abertas para a área de manutenção em Três Lagoas (MS).

As oportunidades disponíveis são para os seguintes cargos:

  • Supervisor (a) de Manutenção – Silvicultura
  • Técnico (a) de Manutenção Florestal II

As inscrições ficarão abertas até o preenchimento das vagas e os interessados em participar do processo seletivo podem se inscrever clicando neste link.

Para concorrer à vaga de Supervisor (a) de Manutenção, os requisitos são:

  • Ensino Superior completo em Engenharia Mecânica/Administração ou afins;
  • Conhecimento do Pacote Office, Excel avançado e em ferramentas da qualidade;
  • Possuir CNH na categoria “B” ou superior;
  • Ter conhecimento intermediário em Gestão de Pessoas;
  • Experiência de dois anos em operações florestais, específica em manutenção em máquinas de silvicultura;
  • Disponibilidade para residir em Três Lagoas.
Já para a vaga de Técnico(a) de Manutenção Florestal II, os requisitos são:

  • Formação Técnica ou Superior completa em Mecânica, Elétrica, Instrumentação, Eletrônica ou Automação, Logística, Administração ou áreas correlatas;
  • Conhecimento avançado de Pacote Office e Excel;
  • Afinidade com ferramentas de qualidade;
  • Possuir CNH na categoria “B” ou superior;
  • Conhecimento em Gestão de Pessoas e experiência prévia comprovada na área de manutenção (máquinas de silvicultura);
  • Disponibilidade para residir em Três Lagoas.

Para obter mais informações sobre estas e outras oportunidades disponíveis na Suzano, bem como os benefícios oferecidos pela empresa, acesse: https://suzano.gupy.io/.

Fonte
RCN 67
Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo